Este é um post que surge como comentário que não resisti a fazer à leitura do blog Ideias em Série, que hoje tem um excelente post chamado “Geração Magalhães”.

Como tive a oportunidade de lá comentar, saúdo o autor deste post, pela lucidez da análise que faz e pelo orgulho que denota na iniciativa “Magalhães”. O post foi extremamente esclarecedor, e deita por terra muita da maledicência gratuita que foi por aí sendo feita nos últimos tempos.

A iniciativa “Magalhães”, com todos os defeitos e limitações que possa ter, é algo de muito positivo para o país e devemos orgulhar-nos dela. Para o percebermos, basta visitar um  espaço como a FNAC e perceber a reacção da grande maioria dos seus visitantes ao Magalhães, como Paulo Querido tão bem comentava ainda há dias.

Já basta de Velhos do Restelo que muito criticam mas nada fazem pelo País onde vivem.

Como “net evangelist” que hoje sou, não poderia estar mais satisfeito. As vantagens potenciais desta iniciativa, seja por via  da inovação colaborativa, seja por via do potenciar da Web 2.0 superam claramente os potenciais riscos daí também resultantes (assim haja uma postura responsável e pedagógica por parte de pais e educadores).

Também sou um “talent evangelist”, e estou muito optimista exactamente pelas mesmas razões. Acredito que ainda há muito a fazer, mas também acredito no “efeito de contágio” que iniciativas positivas como esta podem gerar na mudanca de hábitos e mentalidades.

Estou certo que uma geração “ligada” será certamente uma geração onde o talento tem melhores condições para se desenvolver.

Um grande bem-haja ao Ideias em Série por ter a coragem de não ir atrás da moda de dizer mal de tudo o que se faz no país, bem no espírito de outras iniciativas baseadas no orgulho em ser português, como o Star Tracker.

Não deixem de ver o post e apreciem o vídeo que lá está. Vale bem a pena!

Enjoy it 🙂

5 thoughts on “Magalhães: o talento também se constrói a longo prazo

  1. Olá Ricardo!

    Qualquer dia tenho um cá em casa… a minha filha mais nova, de 7 anos, mostra já um grande à-vontade com as novas tecnologias e já lida com o Google melhor do que a irmã mais velha, 13 anos… espero que esta nova “Geração Magalhães” seja feliz…

    Um abraço e parabéns pelo blogue!

    Gostar

  2. Olá Paulo!

    Obrigado pelo feedback. De facto, o meu filhote mais velho, o Afonso, apenas com cinco anos, já reclama horas de vôo do meu laptop e do meu desktop, pelo que provavelmente para o ano também terá um Magalhães.

    Cabe-nos a nós velar que o saibam usar bem… esperando que essa seja mais uma pequena peça no puzzle da sua vida e formação, que lhes permita saber fazer a sua caminhada rumo à felicidade.

    Esperemos estar à altura da responsabilidade 😉

    Parabéns também pelo blogue: nunca tinha visto um blogue tão originalmente desafiante para mentes brilhantes… as palavras cruzadas são de facto um delicioso mind snack 🙂 Já está nos favoritos do meu blog!

    Haverá bons blogues portugueses sobre xadrez? Tenho de ir procurar, que o Afonso está agora a aprender 🙂

    Um abraço e até breve!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s